2º Circuito TECON: RGYC divulga “Aviso de Regata”

Publicado por Mirela Pinho
Em:
O Rio Grande Yacht Club (RGYC) divulga o “Aviso de Regata” referente ao 2º Circuito TECON de Vela Oceânica. O Aviso tem como objetivo apresentar aos velejadores participantes as regras adotadas, propaganda, elegibilidade e classes, inscrições e taxas, medição, inscrições, percursos, pontuação, penalizações, programação, entre outros. O Circuito tem supervisão da Federação de Vela do RS (FEVERS).
 
Sobre o 2º Circuito
 
O 2º Circuito Tecon, promovido pelo Rio Grande Yacht Club (RGYC), inicia em 29 de março e se estende até o dia 7 de abril. O evento reúne os velejadores das Classes IRC, RGS e Cruzeiro e inicia com o percurso chamado “Trans Lagoa”, que consiste em uma regata de travessia de Porto Alegre a Pelotas, com 117 milhas náuticas.Essa regata, de percurso longo, está prevista para ocorrer entre os dias 29 e 31 de março. Já a Regata de percurso médio será realizada no dia 6 de abril e terá largada em Pelotas com destino a Rio Grande.
Estão envolvidos os principais clubes de vela do RS: Clube Veleiros Do Sul (VDS), Clube dos Jangadeiros (CDJ) e Iate Clube Guaíba(ICG), de Porto Alegre, Clube Nautico Tapense( CNT), Iate. Libe de São Lourenço do Sul (ICSLS), Clube Veleiros Saldanha Da Gama (VSG) e Iate Clube de Pelotas(ICP).
 
AVISO DE REGATA
 
Autoridade Organizadora:
O Campeonato é organizado pelo Rio Grande Yacht Club sob a supervisão da FEVERS, com apoio dos clubes, Veleiros do Sul, de Porto Alegre e Clube Veleiros Saldanha da Gama, de Pelotas.
 
1. REGRAS
1.1 As regatas serão regidas pelas regras tais como definidas nas Regras de Regata a Vela 2017/2020 da World Sailing / CBVela e regras das Classes participantes.
1.2 Entre 18h20m e 06h30m as regras de direito de passagem (RRV-WS– Parte 2) serão substituídas pela Parte B do Regulamento Internacional Para Evitar Abalroamento no Mar RIPEAM-72: Nessas condições as luzes de navegação deverão estar sempre acionadas, quando em regata ou em movimento.
1.3 Não serão aplicadas as prescrições da autoridade nacional.
1.4 As alterações serão descritas em detalhes nas instruções de regata. As instruções de regata podem também podem alterar outras regras.
1.5 Os barcos estarão sujeitos a inspeção em qualquer momento durante uma regata.
1.6 Todos os barcos devem estar com todos os equipamentos requeridos pela Autoridade Marítima, para categoria específica de navegação licenciada para o respectivo barco.
1.7 Todos os barcos devem estar com todos os equipamentos de regata e de segurança requeridos pela sua Classe.
1.8 A Categoria de Segurança (“Categories of Events”) de acordo com as “Offshore Special Regulations” (OSR) em vigor em todas as regatas será OSR Categoria 4.
1.9 Os barcos devem usar rastreadores por satélite quando fornecido pela organização do campeonato, ou utilizar aplicativo de celular, ou Sistema de Posicionamento por Satélite (GPS) para fornecer sua localização nas regatas.
1.10 Acréscimo de cinco (5) pontos a pontuação do barco na regata pela não exposição, ou exposição incorreta, do material de propaganda e publicidade especificado na seção “PROPAGANDA E PUBLICIDADE” do Aviso de Regata.
 
2. PROPAGANDA
2.1 A propaganda será de acordo com o Regulamento 20 da ISAF.
2.2 Os barcos podem ser requeridos a portar propaganda no casco, determinada e fornecida pela organização.
2.3 Durante o período de 29 de março a 07 de abril de 2019, todos os barcos deverão:
a) Usar permanentemente os adesivos do patrocinador/apoiador nas bochechas de boreste e de bombordo, acima da linha d’água.
b) Usar as Flâmulas do Evento hasteadas na adriça de proa quando a respectiva vela não estiver sendo utilizada em deslocamentos ou ancorado no Clube.
c) Todo o material de propaganda e publicidade, inclusive para reposição, será disponibilizado, a partir do dia 28 de março de 2019, na Secretaria do Evento.
d) Na primeira oportunidade – mas sempre antes da primeira regata do dia subsequente – deve ser comunicada a CR a perda de qualquer material de propaganda e publicidade, bem como providenciada a sua pronta reposição.
e) O descumprimento das cláusulas desta seção sujeita o barco à desclassificação sem audiência, mas não poderá ser objeto de protesto entre barcos inscritos. A Autoridade Organizadora poderá rejeitar a inscrição de um barco que se recuse a se submeter a esta regulamentação, sem direito de apelação e sem devolução das taxas de inscrição.
 
3. ELEGIBILIDADE E CLASSES
3.1 O Evento é aberto aos barcos das classes: IRC, BRA-RGS e Cruzeiro (bico de proa). Os requisitos de elegibilidade para as embarcações são os seguintes:
3.2 Classe IRC – barcos com Certificado de Medição IRC válido, emitido pela ABVO, e de filiação a FEVERS 2019.
3.3 Classe BRA-RGS – barcos com Certificado de Medição BRA-RGS 2019 válido e de filiação a FEVERS 2019.
3.4 Classe Cruzeiro (bico de proa) – filiação a FEVERS 2019.
a. Classe Cruzeiro A. Barcos de 21 a 26 pés.
b. Classe Cruzeiro B. Barcos de 26,1 a 32 pés.
c. Classe Cruzeiro C. Barcos acima de 32 pés .
3.5 Cada barco participante deverá ter a bordo, no mínimo, um velejador habilitado pela Marinha do Brasil, o qual deverá apresentar cópia do documento da habilitação no ato da inscrição.
3.6 Tripulantes menores de 18 anos deverão ter, obrigatoriamente, uma autorização por escrito dos pais ou de um responsável. O modelo a ser preenchido e assinado está anexado a Ficha de Inscrição do Circuito (Anexo 03).
3.7 A inscrição por tripulante e intransferível. A substituição de tripulante implica em pagamento de nova “taxa de inscrição”, salvo autorização por escrito da CR.
 
4. INSCRIÇÕES E TAXAS
4.1 A inscrição no Circuito Tecon de Vela Oceânica 2019 poderá ser realizada, presencialmente, nas secretarias esportivas do RGYC e do Veleiros do Sul, ou via internet, através do site do RGYC (www.rgyc.com.br) e links que serão disponibilizados nos principais grupos de vela do aplicativo whatsapp.
4.2 A confirmação da Inscrição somente se dará após o recebimento, pelas secretarias esportivas do RGYC, ou do Veleiros do Sul, de todos os anexos deste Aviso de Regata, pertinentes a cada embarcação, devidamente preenchidos e o envio do comprovante de depósito identificado do pagamento das taxas de inscrição ao RGYC, através do email secretaria@rgyc.com.br . Dados Bancários para Depósito (Banco do Brasil. Agência 0084-1 Conta Corrente: 110022-X . CNPJ 94.862.927/0001-84)
 
4.3 Serão aceitas inscrições até as 12 h do dia 29 de março de 2019, mediante pagamento da taxa de inscrição, conforme tabela abaixo:
LOA (ft.) Taxa Inscrição do Barco Taxa Inscrição por Tripulante
Até 30 pés R$80,00 R$100,00
De 30,1 a 40 pés R$100,00 R$100,00
A partir de 40 pés R$120,00 R$100,00
 
4.4 Será concedido desconto de 20% (vinte por cento) para as inscrições efetuadas até o dia 22 de março de 2019. Os valores com descontos seguem, conforme tabela abaixo:
LOA (ft.) Taxa Inscrição do Barco Taxa Inscrição por Tripulante
Até 30 pés R$64,00 R$80,00
De 30,1 a 40 pés R$80,00 R$80,00
A partir de 40 pés R$96,00 R$80,00
 
4.5 Cada barco poderá se inscrever e competir em uma única classe.
4.6 Para as embarcações que pretendem participar somente das Regatas Pelotas/Rio Grande e Mar Aberto serão aceitos inscrições até 18 h do dia 05 de abril de 2019, mediante pagamento da taxa de inscrição de acordo com o item 4.3, acima.
4.7 No momento da inscrição o comandante deverá informar o nº do TIE (Título de Inscrição da Embarcação) junto a Marinha do Brasil.
 
5. PROGRAMA
5.1 Programação de Regatas e Atividades Sociais
DATA DIA HORA ATIVIDADE
29/03/2019 6ª Feira 12:00 Término do prazo de inscrições.
16:30 Reunião de comandantes no Bar do clube Veleiros do Sul.
17:00 Coquetel de Boas Vindas e Confraternização das tripulações na Varanda do clube Veleiros do Sul.
18:30 Largada da Regata Translagoa – Porto Alegre/Pelotas (aprox. 110 mn).
30/03/2019 Sábado Chegada dos Barcos em Pelotas
05/04/2019 6ª Feira 19:00 Happy Hour no Restaurante do clube Veleiros Saldanha da Gama (Pelotas).
06/04/2019 Sábado 08:00 Café da Manhã no Restaurante do Veleiros Saldanha da Gama, em Pelotas.
10:00 Reunião de Comandantes no Veleiros Saldanha da Gama, em Pelotas
11:00 Largada da Regata Pelotas-Rio Grande.
17:00 Retirada dos “kits” do Circuito.
18:00 Recepção no RGYC com “Meca do Japa e Chopp”. Premiação da Regata Translagoa Porto Alegre/Pelotas
07/04/2019 Domingo 07:00 Café da manhã no RGYC
08:00 Reunião de Comandantes no Yacht Café – RGYC
09:00 Saída dos veleiros para a Raia de Regata – TECON
11:30 Largada da Regata Mar Aberto
18:00 Cerimônia de Encerramento e Premiação do Circuito.
 
 
6. MEDIÇÃO
6.1 Cada barco deverá apresentar seu certificado de medição válido.
6.2 Os barcos poderão ser vistoriados a qualquer momento pela CR ou por membro por ela indicado.
 
7. LOCAL
7.1 O evento terá como Sede Geral e organizadora o Rio Grande Yacht Club, situado à Rua Cap. Heitor Perdigão s/nº em Rio Grande/RS.
7.2 As regatas serão realizadas no Rio Guaíba, Lagoa dos Patos, Canal São Gonçalo, Canal do Porto de Rio Grande e Praia do Cassino e os detalhes das áreas de regata estarão contidos nas Instruções de Regata.
 
8. INSTRUÇÕES DE REGATA
8.1 As Instruções de Regata estarão disponíveis após as 9h do dia 25/03/2019 na Secretaria do RGYC e Secretaria Esportiva do VDS.
 
9. PERCURSOS
9.1 Estarão anexos às Instruções de Regatas.
9.2 As classes IRC, RGS-BRA e Cruzeiro irão fazer os mesmos percursos nas regatas Porto Alegre-Pelotas e Pelotas-Rio Grande. Na regata Mar Aberto os percursos das classes serão definidos na instrução de regata.
 
10. PONTUAÇÃO
10.1 Para a Classe IRC os resultados de todas as regatas serão determinados por tempos corrigidos calculados pela multiplicação do tempo real pelo fator TCC.
10.2 Para a Classe BRA-RGS os resultados de todas as regatas serão determinados por tempos corrigidos calculados por sistema de tempo sobre tempo (TMFAA/VCR).
10.3 Para a Classe Cruzeiro o resultado será determinado por bico de proa (tempo real).
 
10.4 Será aplicado o Sistema Linear de pontuação do Apêndice A da RRV, modificado conforme itens a seguir:
a. 03 regatas estão programadas.
b. Pelo menos uma regata deve ser completada para constituir uma série.
c. Quando as 03 regatas tiverem sido completadas, a pontuação do barco na série será a soma de suas pontuações de cada regata.
d. Alterando a regra A8 (RRV-WS): caso ocorra empate após a aplicação da regra A8.1, o seguintes critérios será aplicado antes da A8.2: Melhor pontuação na Regata Longa.
 
11. SISTEMAS DE PENALIZAÇÃO
11.1 A Regra 64.1 será alterada nas Instruções de Regata para permitir sanções que não a desclassificação por quebra de alguns dos itens de inspeção, a critério da Comissão de protestos.
 
12. LOCAL DE PERMANÊNCIA
12.1 O Clube terá local abrigado para atracação dos barcos de todas as classes que deverão permanecer nos locais indicados pela organização, durante o evento.
 
13. RESTRIÇÕES AO IÇAMENTO DOS BARCOS
13.1 Os barcos que estiverem competindo nas Classes IRC e BRA-RGS não devem ser retirados da água durante o campeonato, exceto com e de acordo com os termos de autorização prévia por escrito da Comissão de Regata/Júri.
 
14. PISCINAS PLÁSTICAS E EQUIPAMENTOS DE MERGULHO
14.1 Equipamentos de respiração sob a água, piscinas plásticas ou outros equipamentos equivalentes não poderão ser usados ao redor dos barcos de quilha desde o sinal de preparação da primeira regata até o final da série. 15. COMUNICAÇÃO POR RÁDIO E EQUIPAMENTO ELETRÔNICO
15.1 Enquanto em regata é obrigatória a radio-escuta do Canal de Regata correspondente, definido nas Instruções de Regata canal VHF 68.
15.2 Enquanto em regata, um barco não poderá fazer transmissões por rádio ou telefones móveis, nem receber comunicações não disponíveis para todos os barcos, exceto:
a. Em situações de emergência ou perigo;
b. Como estabelecido neste Aviso ou nas Instruções de Regata;
c. Quando chamado pela CR ou pela Autoridade Organizadora.
d. Em caso de abandono de regata por qualquer razão.
 
16. PREMIAÇÃO
Serão agraciados com prêmios os competidores que se classificarem conforme abaixo:
16.1 Premiação da Regata Translagoa – Porto Alegre/Pelotas;
a. Fita Azul
b. Classe IRC – 1º, 2º e 3º lugar.
c. Classe BRA RGS – 1º, 2º e 3º lugar.
d. Classe Cruzeiro A (21 a 26 pés) – 1º lugar.
e. Classe Cruzeiro B (26,1 a 32 pés) – 1º lugar.
f. Classe Cruzeiro C (acima de 32 pés) – 1º lugar.
g. Premiação Especial, Bico de Proa, para os modelos dos veleiros Delta 36, Delta 41, Skipper 21 e Skipper 30.
16.2 Premiação da Regata de Percurso Médio Pelotas/Rio Grande;
a. Fita Azul
b. Classe IRC – 1º, 2º e 3º lugar.
c. Classe BRA RGS – 1º, 2º e 3º lugar.
d. Classe Cruzeiro A (21 a 26 pés) – 1º lugar.
e. Classe Cruzeiro B (26,1 a 32 pés) – 1º lugar.
f. Classe Cruzeiro C (acima de 32 pés) – 1º lugar.
 
g. Premiação Especial, Bico de Proa, para os modelos dos veleiros Delta 36, Delta 41, Skipper 21 e Skipper 30.
16.3 Premiação da Regata Mar Aberto;
a. Fita Azul
b. Classe IRC – 1º, 2º e 3º lugar.
c. Classe BRA RGS – 1º, 2º e 3º lugar.
d. Classe Cruzeiro A (21 a 26 pés) – 1º lugar.
e. Classe Cruzeiro B (26,1 a 32 pés) – 1º lugar.
f. Classe Cruzeiro C (acima de 32 pés) – 1º lugar.
g. Premiação Especial, Bico de Proa, para os modelos dos veleiros Delta 36, Delta 41, Skipper 21 e Skipper 30.
16.4 Premiação Geral do Circuito TECON;
a. Classe IRC – 1º, 2º, 3º, 4º e 5º lugar.
b. Classe BRA RGS – 1º, 2º, 3º, 4º e 5º lugar.
c. Classe Cruzeiro A (21 a 26 pés) – 1º, 2º, 3º lugar.
d. Classe Cruzeiro B (26,1 a 32 pés) – 1º, 2º, 3º lugar.
e. Classe Cruzeiro C (acima de 32 pés) – 1º, 2º, 3º lugar.
16.5 Serão entregues medalhas de participação a todos os tripulantes inscritos.
 
17. ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE
17.1 Os competidores participam da regata a seu próprio risco. Considere a regra 04, Decisão de Competir. A Autoridade Organizadora não aceitará qualquer responsabilidade por danos materiais, físicos ou morte relacionados diretamente com a série de regatas e seus antecedentes, durante ou depois de completado o evento.
17.2 A decisão de participar do campeonato caracteriza um ato unilateral do competidor, ciente dos riscos que a atividade náutica proporciona, devendo os menores de 18 anos ter autorização por escrito dos pais ou responsáveis.
17.3 O Responsável (proprietário e/ou preposto e/ou comandante) de cada barco inscrito:a. É responsável pelas condições de navegabilidade do barco, pela segurança de sua tripulação, bem como pela disponibilidade dos equipamentos de salvatagem e de primeiros socorros a bordo.
b. É responsável por quaisquer danos causados a terceiros ou a seus pertences, assim como por quaisquer danos causados aos seus próprios tripulantes e a seus pertences, em terra ou na água, como consequência de sua participação no Circuito TECON de Vela Oceânica.
c. Aceita toda e qualquer responsabilidade advinda do comportamento de seus tripulantes e/ou de todos os seus convidados.
d. Tomará todas as medidas necessárias para proteger o seu barco, embarcações de apoio, seus pertences e de sua tripulação.
17.4 O Responsável (proprietário e/ou preposto e/ou comandante) da tripulação de cada embarcação inscrita;
a. Reconhecem serem responsáveis pelos seus atos, manejo e segurança de seus barcos.
b. Isentam de qualquer responsabilidade civil ou criminal – inclusive referentes a danos, pessoais ou materiais, perdas ou roubos parciais ou totais de pertences, seus e de convidados, do barco e de seus tripulantes.
 
18. SEGURANÇA
18.1 Sempre que estiver na água o competidor deverá ter a bordo o equipamento de flutuação pessoal. Uma roupa de borracha ou impermeável não é um equipamento de flutuação pessoal. Se o equipamento de flutuação pessoal é de um tipo de inflar, sempre que estiver na água este deve estar totalmente inflado. Isso altera a RRV 40.
 
19. INFORMAÇÕES
19.1 Rio Grande Yacht Club – Rua Capitão Heitor Perdigão s/nº Centro – Rio Grande, RS. Brasil. Telefones: +55 53  3231-6908. Email: secretaria@rgyc.com.br
19.2 Veleiros do Sul – Av. Guaíba, 2941 Bairro Assunção – CEP 91900-420 – Porto Alegre, RS Fone: 51 3265-1733 ou 3265.1717. Email: esportiva@vds.com.br ou www.vds.com.br
Clique no link abaixo e tenha acesso ao Aviso na íntegra e a ficha de inscrição
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Comentários

comentários