Regata Cidade do Rio Grande

Publicado por Mirela Pinho
Em:

Com doze barcos na raia, duas horas de duração e um percurso que contou com uma volta na Ilha da Base, a Regata Cidade do Rio Grande realizada pelo Rio Grande Yacht Club (RGYC),no último sábado (16), deu início a temporada de vela do Clube. A Regata comemorou os 282 anos de fundação da cidade do Rio Grande.

A primeira edição da Regata Cidade do Rio Grande contou com destaques. O veleiro Pirajá, da Escola de Vela João Hugo Altmayer, foi tripulado pelos alunos Stefan, Athayde e João Pedro e teve como Comandante o velejador, Fernando Shliewe Rocha. Os outros destaques ficaram com os barcos Tirano, do Comandante João Sokolnik (Queijo), e Pirata, do Comandante Luis Eduardo Sokolnik. Os dois, pai e filho, estrearam seus veleiros nas águas da Lagoa dos Patos e se destacaram. A Regata também teve a participação do veleiro Travesso, do Iate Club Pelotas (ICP), Comandante Leonardo Weymar.

 

Premiação

A premiação foi realizada na Churrasqueira Fogo de Chão, pelo instrutor da área Náutica do RGYC, Ari Soares Lima.
O primeiro lugar da classe Cruzeiro foi do veleiro Malacara do Comandante Mauricio Teixeira dos Santos (Nono) e o segundo ficou com o veleiro Pirajá da Escola de Vela, com o Comandante Fernando Shliewe Rocha.
Já na Classe RGS o primeiro lugar ficou o Veleiro Pirata (delta 21), o segundo com o veleiro Tirano (delta 32) e em terceiro com o Travesso(skipper 30) do Iate Club Pelotas(ICP).
O Troféu fita azul ficou com o barco Tirano, do Comandante João Sokolnik (Queijo).

 

Palavra dos Comandantes

De acordo com o Comandante do veleiro Pirata, Luis Eduardo Sokolnik, as condições de vento no dia da Regata foram muito boas. ” Estreamos o barco novo, o Pirata. Ficamos bem contentes com o resultado” explica. O velejador enfatiza que a tripulação formada pelos velejadores José Saavedra, Rodrigo Hadrich e Rodrigo Rodrigues, está de parabéns, uma bonita vitória . “Seguimos nos preparando para o Circuito Tecon, em abril. Nossa próxima regata será o Encontro da Vela em São Lourenço do Sul dia 02/03” completa.

Para o Comandante do Tirano, João Sokolnik, a Regata foi muito prazerosa. João também estreou seu novo barco e se destacou. O velejador também comentou que essa foi a última regata com a regra antiga “RGS” e que agora estão entrado em uma nova fórmula IRC. “As expectativas são grandes, acredito que é mais justa e também estaremos integrado com o mundo, pois é uma regra internacional”.explica frisando que as novas regras é um passo muito importante para vela do RGYC.

O Comandante do Malacara ,Comandante Mauricio Teixeira dos Santos (Nonô), comenta que a Regata foi espetacular. “Excelente regata, com vento um pouco acima do desejado para as condições das velas do meu barco, Cal 9.2, ano 1994, mas fizemos uma bela velejada e conseguimos manter uma boa média de velocidade” comenta. Mauricio também explica que o primeiro lugar na classe foi o menos importante. ” O que vale é a participação na raia e a confraternização com os amigos velejadores” finaliza.

Comentários

comentários